Postado em: 06/04/2020

Vigilância Sanitária orienta motoristas sobre o transporte de pacientes que fazem hemodiálise

Tratamento não pode parar, porém medidas de segurança para ambas as partes devem ser adotadas.

Foto/Redação

Os motoristas de Araxá e da microrregião estão sendo informados sobre a Nota Técnica número 16, que trata do transporte sanitário público de pacientes que fazem hemodiálise. A Secretaria Municipal de Saúde tem promovido reuniões com os profissionais, repassando orientações que visam a segurança dos pacientes e dos motoristas.

A coordenadora da Vigilância Sanitária na cidade,  Magaly dos Santos, informou que o Centro de Diálise de Araxá, atende 167 pacientes de Araxá, Santa Juliana, Perdizes, Tapira, Campos Altos, Ibiá, Pratinha e Pedrinópolis. As reuniões com os representantes dos municípios estão sendo feitas na sede da Secretaria de Saúde. Os motoristas são orientados sobre a forma correta de transportar os pacientes, respeitando o limite de ocupantes por veículo. "Ressalta que é necessário o uso de álcool 70 ou hipoclorito de sódio para higienização dos veículos e se algum paciente tiver sintomas respiratórios, é obrigatório o uso de máscara, medidas que protegem os pacientes e os profissionais que fazem o transporte.  É importante repassar as orientações porque são pacientes imunodeprimidos, estão no grupo de risco e não podemos colocá-los em uma situação que comprometa a saúde deles. Eles têm comorbidades e se forem contaminados pelo coronavírus, correm risco de morte”, disse.

A coordenadora da Vigilância Sanitária também esteve na casa de apoio em Uberaba repassando orientações sobre a segurança dos funcionários e dos pacientes uncológicos que passam pelo local.

Mais lidas