Postado em: 26/01/2021

Covid-19 reduz o número de profissionais da educação contratados em Araxá

Segundo a Secretaria de Educação, as contratações só serão concluídas com o retorno das aulas presenciais, o que ainda não tem data definida.

Foto ilustrativa/MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações)

Com o aumento do número de casos de Covid-19 em todo o país e com a indefinição do retorno das aulas presenciais na rede pública de educação, o número de profissionais do setor contratados através de processo seletivo simplificado (designação) será reduzido. 

Em Araxá, a convocação de profissionais da educação classificados no processo de 2021 vai contemplar inicialmente 40% das vagas ofertadas para atender aulas no sistema remoto, que ainda está em definição de data de início. As demais vagas serão preenchidas de acordo com a necessidade e/ou o retorno das aulas presenciais. 

As primeiras convocações ocorrem a partir desta terça-feira (26), respeitando os protocolos de prevenção à Covid-19. De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, para este ano o processo ocorre de forma continuada até que todas as vagas ofertadas sejam preenchidas. 

“O ritmo da convocação vai depender das circunstâncias da pandemia e deliberações do Comitê de Enfrentamento e da Comissão de Educação. Portanto, inicialmente faremos a contratação de cerca de 300 profissionais para atender as necessidades de aulas remotas. E dependendo dessas deliberações, as demais contratações serão realizadas no decorrer dos próximos meses caso retornem as aulas presenciais, seguindo a listagem de classificação”, afirmou a Secretária Zulma Moreira. 

Ela reitera que as contratações só serão concluídas com retorno das aulas presenciais. “Uma vez que com as escolas reabertas e funcionando plenamente será necessária a presença de todo o corpo de servidores da educação, seja efetivo ou contratado”, acrescentou. 

Mais lidas