Postado em: 23/02/2021

Em uma semana de medidas restritivas para conter a propagação da Covid-19, fiscais já atenderam mais de 80 denúncias

Sessenta e quatro delas, foram relacionadas à aglomeração e, vinte, sobre a venda de bebida alcoólica.

Foto Ascom/Divulgação

Desde que entrou em vigor no dia 16 de fevereiro o decreto que estabelece novas regras para o funcionamento de bares, restaurantes e outros estabelecimentos em Araxá, o Disque-Denúncia da Secretaria Municipal de Segurança Pública recebeu 86 denúncias. Sessenta e quatro foram relativas a aglomerações, 20 sobre vendas de bebidas alcoólicas, uma sobre consumo de bebida alcoólica em via pública e uma sobre funcionamento de estabelecimento comercial após horário permitido. Além disso, um bar foi interditado pela Vigilância Sanitária. Também foram registradas seis denúncias sem procedência.

A ação está sendo feita por equipes da Secretaria Municipal de Segurança Pública (Asttran e Guarda Patrimonial) e da Vigilância Sanitária, com apoio da Polícia Militar. “A maior parte dessas ocorrências é de estabelecimentos situados nos bairros mais afastados do centro da cidade”, contou a Coordenadora da Vigilância em Saúde, Leninha Severo.

O Secretário de Segurança Pública, Major Eurípedes Lemos, destacou que a falta de consciência da população continua crescente. “As pessoas não estão preocupadas com o alto risco de se contaminar, levando a Covid para as suas casas, colocando em risco a vida dos seus entes queridos. As equipes de fiscalização estão atentas e trabalham focadas para identificar essas pessoas que estão desrespeitando o decreto e as normas de saúde pública”, ressaltou o Secretário.

O decreto, além de reforçar medidas adotadas desde o início da pandemia – como uso obrigatório de máscaras, distanciamento social e disponibilização de álcool em gel –  também proíbe, pelo prazo de 15 dias, a venda de bebidas alcoólicas e estabelece novo horário de funcionamento para estabelecimentos no município.

O trabalho também compreendeu mais de 50 ações educativas e nove notificações. Nos casos de descumprimento após as notificações, os estabelecimentos podem ser interditados. O Disque-denúncia da Secretaria Municipal de Segurança Pública é o (34) 99257-1122.

Mais lidas