Postado em: 13/09/2021

Cemig finaliza construção de linha de distribuição que vai atender a planta da McCain em Araxá  

Uma importante obra que vai ampliar o sistema elétrico e colaborar para a economia da região de Araxá foi concluída pela Cemig. Trata-se da linha de distribuição que interliga a subestação Araxá 1 à planta da empresa McCain, que está sendo implantada em Araxá para produção de batatas pré-fritas.

 

 

O empreendimento recebeu investimentos de R$ 12 milhões, sendo R$ 1,6 milhão por parte da Cemig e os demais R$ 10,4 milhões por parte da McCain. A conexão do empreendimento ao sistema elétrico da Cemig vai contribuir para o desenvolvimento da região e melhoria de vida das pessoas, gerando emprego e renda.

 

 

“Essa obra é parte de um ambicioso plano de investimentos que a Cemig está realizando em todo o estado. Ela vai beneficiar o município de Araxá e região e contribuir para viabilizar a produção, além de trazer benefícios diretos e indiretos para a população, como a geração de empregos e fomento da economia do município”, avalia Marney Tadeu Antunes, diretor de Distribuição da Cemig.

 

 

A linha de distribuição Araxá 1 - McCain é atendida em 138 kV e possui 59 estruturas metálicas distribuídas ao longo de 18,8 km de extensão, que vai desde a subestação Araxá 1, na vila Silvéria, até a planta do cliente, às margens da BR-262.

 

 

McCain

A planta da canadense McCain que está em construção em Araxá é a primeira fábrica de batatas pré-fritas da empresa no Brasil e está recebendo investimentos da ordem de 100 milhões de dólares. O empreendimento deve gerar cerca de 600 empregos, entre diretos e indiretos, nessa que é a principal região produtora de batatas do país.

 

 

Investimentos

Desta forma, o Governo de Minas, por meio da Cemig, está colocando em prática um plano de investimentos que vai aplicar, até 2022, R$ 6,2 bilhões em melhorias de linhas de distribuição, subestações e redes de média e baixa tensão. O valor contribuirá para viabilizar o desenvolvimento econômico e social do estado, uma vez que será distribuído por todas as regiões de Minas Gerais.

Mais lidas

Enquete

O que você quer ver no site do Correio ?