Postado em: 21/07/2020

Um é preso e outros dois são procurados por tráfico de drogas em Araxá

Grupo mantinha esquema em pelo menos três pontos da cidade e drogas comercializadas por eles continham a imagem de um cavalo.

Foto/Polícia Militar

Na última segunda-feira (20), por volta das 21h, durante operação antidrogas no Bairro Vila Guimarães em Araxá,  a Polícia Militar avistou um homem, suspeito de tráfico de drogas, trafegando em um veículo e, o acompanhou à distância. Segundo a PM, o veículo Ford/Fiesta era usado na empreitada criminosa, mas o autor realizava algumas corridas por aplicativo para ocultar as ações ilícitas.

Durante o acompanhamento, os militares perceberam que o autor adentrou na Rua Joaquim Alves Barcelos e que estacionou em frente a um transeunte, que, após conversa, abriu a porta do carro e assentou no banco dianteiro. Para não perder o princípio da oportunidade, foi realizada a abordagem do carro. Contudo, o transeunte que havia entrado no carro, saiu em desabalada carreira. Ao determinar que o autor desembarcasse do veículo, o mesmo reagiu ativamente contra a guarnição da PM. Para colocar fim na resistência ativa do suspeito,  se fez necessário o uso moderado de força física para contê-lo. Durante o ato de imobilização, o autor jogou algo em cima do telhado de uma residência, sendo constatado ser um plástico filme onde estava quatro tabletes de maconha com peso aproximado de 100g e dois microtubos/eppendorfs com uma substância semelhante à cocaína.

O referido autor havia sido visto fazendo contato com outro homem, residente na Rua Antônio Pereira Guimarães no Bairro Alvorada. Os militares se deslocaram para o local e para um hotel da cidade, que o autor estaria usando como depósito das drogas por ele comercializadas.  Ao aproximar-se da residência do homem no Bairro Alvorada, os militares ouviram som de pessoas pulando o muro e, devido o portão estar fechado, não conseguiram evitar a fuga do autor.

Durante buscas no domicílio, foi encontrado outros 21  eppendorfs de cocaína e um tablete de maconha embrulhado em papel filme com peso aproximado de 25g.  “É importante frisar, que estes eppendorfs encontrados na residência possuíam a mesma etiqueta (desenho de um cavalo) usada para identificar o traficante e são idênticas aos dois encontrados com o autor abordado no Vila Guimarães no momento da abordagem”, informou a PM.

No hotel, no quarto acima mencionado, a guarnição encontrou os seguintes materiais ilícitos em depósito:

 - Um tablete grande de maconha com peso aproximado de 460g;

- Um tablete médio de maconha sativa com peso aproximado de 50g;

 - dinheiro;

 - Uma Balança digital em pleno funcionamento;

 - Dois aparelhos celulares;

 - Dois vasos com diversos pés de maconha em diversos tamanhos;

- Uma faca tipo açougueiro na qual há resquícios de maconha;

 - Cinco ampolas de uma medicação de nome Testoland Depot;

- Dezoito comprimidos de Halotestin;

- Uma ampola de wudurateston;

- Quatro caixas de nanotasto enanthate;

- Quatro caixas de nanomast masteron;

- Uma caixa de King Testovirom;

 - Uma caixa de King Parabolam;

 - Uma caixa contendo dez unidades de Kig Tropim;

- Uma caixa de Stanozoland depot;

 - Uma caixa de Testosterona Propionato;

 - Duas Caixas de Trembolona Hexahidroxibencil;

 - Uma caixa de Sales de Trembolona;

 - Uma caixa de Trembolona Acetato;

 - Uma caixa de Drostanolona Propinato;

- Uma caixa de Nandrolona Fenil Propionato;

 - Duas ampolas de Landertropim;

 - Uma ampola de Duratestom;

- Um frasco com porção de maconha;

- Uma ampola de Duratestom e;

 - Uma ampola de Muscle Trembolona Acetato.

Alguns destes produtos estavam acondicionados numa caixa de encomenda, na qual estava duas declarações de conteúdo onde o remetente é de São Paulo, deixando claro que o autor estava recebendo tais produtos via Correio. Diante dos fatos, o autor de 32 anos de idade, recebeu voz de prisão em flagrante delito, por tráfico de drogas. O material e o veículo também foram apreendidos. Os outros dois autores suspeitos de integrarem o esquema de tráfico, continuam sendo procurados pela Polícia.

Mais lidas