Quarta-Feira, 18 de Outubro de 2017
 
 
Pai de Santo preso por violação sexual mediante fraude culpa espírito pelo crime
13-07-2017 | Créditos: foto/redação Correio de Araxá

O Delegado Regional Dr. Vitor Hugo Heisler, juntamente com a Delegada Dra. Paula Lobo Dib, responsável pelo inquérito policial que indiciou um homem de 37 anos, por crime de violação sexual mediante fraude e charlatanismo, apresentaram o investigado na manhã da última quinta-feira aos veículos de comunicação da cidade.
O pai de santo,  que é natural de Ibiá e  que  reside em Araxá, foi preso no dia  5 de julho. Ele foi detido ao chegar em sua residência devido ao cumprimento de um mandado de prisão, já que ele é suspeito da prática do delito de violação sexual mediante fraude (artigo 215, código penal) com pena de reclusão de até 6 anos.
As vítimas de 14 e 20 anos, relataram que mantiveram conjunção carnal com o autor, o qual dizia que estava incorporado de uma entidade espiritual. Fato este que resultou na gravidez das duas vítimas.
As investigações apontam que o crime ocorreu em um ritual religioso e que as relações sexuais, iriam "ajudar a resolver problemas pessoais delas". Ao ser preso, o pai de santo confirmou os fatos.

***A reportagem completa e o depoimento dos delegados sobre o caso, você confere na edição deste sábado (15) do Jornal Correio de Araxá  nas bancas de toda a cidade.

 



Jornal Correio de Araxá - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Juliano Martins