Sexta-Feira, 22 de Novembro de 2019
 
 
Violência contra a mulher é debatida em Fórum Comunitário
31-10-2019 | Créditos: Foto / Polícia Militar

 

A Câmara Municipal realizou na última quarta-feira (30), um  Fórum Comunitário para discutir o tema “Violência contra a Mulher” no âmbito municipal e buscar alternativas para a melhoria do problema. O evento, solicitado pelo Vereador Pastor Claudenir, foi dirigido pelo Secretário da Mesa Diretora da Casa da Cidadania, Vereador Hudson Fiuza.

Além dos parlamentares, a mesa foi formada por representantes da administração municipal, Polícia Militar e grupos de apoio às mulheres que sofrem algum tipo de violência. Na abertura do encontro, os presentes no Plenário Vereador Guilherme Gotelip Neto puderam assistir a uma apresentação de dança da Cia Kerigma, da Assembleia de Deus Madureira Setor Sul.

A Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher é qualquer ação ou omissão baseada no gênero, que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual, psicológico ou dano moral. Este tipo de violência ocorre no ambiente doméstico ou por pessoa com ou sem vínculo familiar, ou ainda com quem a mulher mantém ou manteve relação íntima de afeto.

Esta violência pode ser praticada de forma física, moral, psicológica, sexual e/ou patrimonial. Dados estatísticos oriundos do 37º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais foram apresentados, bem como um resumo da história da Lei 11.340/2016,  conhecida como Maria da Penha, vítima de violência doméstica durante 23 anos.

Ao fim do Fórum Comunitário, os vereadores e o público presente puderam fazer perguntas e depoimentos, dialogando com as autoridades participantes. O vereador Pastor Claudenir afirmou que irá seguir lutando por políticas públicas municipais que auxiliem o combate à violência contra a mulher.

 

 

Jornal Correio de Araxá - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Juliano Martins