Postado em: 06/10/2021

Prefeitura abre credenciamento de motoristas de vans para transporte escolar na zona rural 

Assessoria de Comunicação da PMA

A Secretaria Municipal de Educação abriu o credenciamento de motoristas de vans escolares (pessoas físicas) que farão o transporte de alunos da zona rural. 

O cadastro está sendo feito exclusivamente através do site da Prefeitura de Araxá, pelo link (https://municipiovirtual.com.br/araxavan/cadastro).

Inicialmente são exigidas informações pessoais, como número de documentos, endereço e informações de contato. As inscrições seguem até o dia 15 de outubro. 

O procurador geral do Município, Rick Paranhos, afirma que a Administração Municipal inovou ao adotar um modelo de contrato diferente do que vinha sendo feito até o ano passado para evitar fraudes. Ele explica que serão firmados 41 contratos com pessoas físicas, e cada motorista irá ganhar por quilômetro rodado. “Para ficar mais justo para todos os contratados, os 41 motoristas farão revezamento entre as linhas ao longo do mês. Dessa forma, ao final de um mês, todos os motoristas terão rodado quilometragem equivalente”, explica. 

As vans que farão o transporte rural serão equipadas por um GPS cedido pelo Município, que irá fazer o monitoramento das rotas desses veículos, visando a economia do dinheiro público e maior transparência ao serviço prestado. 

No dia 20 de outubro, às 9h, no auditório da Prefeitura de Araxá do Centro Administrativo, acontece o sorteio que vai definir a ordem dos selecionados que irão prestar o serviço para a Prefeitura. Os 41 primeiros sorteados serão convocados para que, entre os dias 25 e 29 de outubro, eles apresentem a documentação para que seja firmado o contrato. Caso haja alguma desistência ou desclassificação por falta de documentos ou critérios, o próximo da lista do sorteio será convocado e, assim, sucessivamente até definir os 41 motoristas. 

“Além de ser um sorteio público, que qualquer cidadão pode participar, nós também convidamos representantes do Ministério Público Estadual, visando dar mais transparência ao processo”, reforça Rick.

 

Mais lidas

Enquete

O que você quer ver no site do Correio ?