Postado em: 22/11/2021

Maurício Tizumba apresenta ritmos de religiões de matriz africana em vídeo do Aulas Abertas UFMG

Assessoria de Comunicação UFMG

Em novembro, o convidado do Aulas Abertas, projeto do Centro Cultural UFMG, é o ator, compositor, cantor, multi-instrumentista e congadeiro Maurício Tizumba. Em mês marcado pela consciência negra, a aula O Tambor Bantu em Minas Gerais apresenta ritmos de religiões de matriz africana. Assista à aula aberta e conheça os ritmos apresentados por Maurício Tizumba: https://youtu.be/9S01ICyHSlM 

O artista introduz sua aula explicando que os devotos das religiões de matriz africana nunca iniciam um trabalho sem antes cantar para Exú e oferece um canto para o orixá das comunicações, aquele que abre os caminhos e ilumina a caminhada. Na sequência, ele emenda Tupinambá, canto de Dea Trancoso. Tizumba toca ainda o couro de um atabaque com as mãos e apresenta quatro ritmos básicos do Candomblé Angola e da Umbanda. Já com um tambor de congado, ele traz quatro ritmos presentes nas festas de Congado e Reinado. Para finalizar, o artista oferece um canto para os Pretos-Velhos, àqueles que atravessaram o Atlântico e chegaram aqui construindo o seu reinado.

Artista

Maurício Tizumba iniciou sua carreira artística na década de 60 e se destaca por fazer um percurso de grande relevância para a cultura afro-brasileira. Em toda a sua história musical o artista traz consigo a forte influência do congado mineiro, manifestação cultural e religiosa que resiste há mais de três séculos enquanto importante símbolo de expressão da cultura negra em Minas Gerais.

Aulas Abertas

O projeto Aulas Abertas foi elaborado para oferecer um espaço de compartilhamento de ideias, conceitos e experiências, buscando a construção do conhecimento reflexivo e crítico por parte do público, que terá acesso à fala de professores, pesquisadores e artistas convidados. Não se tratam, portanto, de aulas propriamente ditas, mas de discussões contextualizadas pelo olhar científico e humano.

A cada mês será publicada uma nova aula através do Facebook, Instagram, YouTube e Site da Instituição. Siga o Centro Cultural UFMG e fique por dentro da programação: Facebook | Instagram | YouTube | Twitter | Spotify | Site

Mais lidas